segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Quanto jardim

Duy Huynh





quanto jardim
dentro e fora
de mim

tanto a colher
cores aromas
a escolher

tanto de mim
em cada jardim
que ouso florescer.

Um comentário:

  1. Ana, este é tão lindo, tão leve...tão florido...
    florescer sempre, em cada jardim uma nova flor

    adorei!
    beijos

    ResponderExcluir